Marcos Arcoverde/Estadão
Marcos Arcoverde/Estadão

Assessora de Marielle deixa Estado do Rio por questão de segurança

Destino da sobrevivente do ataque, que está sob acompanhamento psicológico, segundo correligionários, não foi divulgado

Fábio Grellet, O Estado de S.Paulo

18 Março 2018 | 14h01

RIO – A assessora da vereadora Marielle Franco  (PSOL), que sobreviveu ao ataque de criminosos que matou Marielle e o motorista Anderson Gomes, na última quarta-feira, 14, deixou o Estado do Rio no fim desta semana para se proteger. O destino da assessora não foi divulgado, por questão de segurança.

Ela está sob acompanhamento psicológico, segundo correligionários.

A assessora estava à esquerda de Marielle, no banco traseiro do carro, e escapou dos tiros porque eles foram disparados na diagonal - por isso atingiram também o motorista. Atingida por estilhaços, ela recebeu atendimento médico e, ainda na madrugada de quinta-feira, 15, prestou depoimento à Delegacia de Homicídios do Rio, que investiga o caso. Contou que não percebeu que o carro em que estava era seguido nem viu nenhum suspeito.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.