Autoestrada é interditada após tiroteio no Rio

Grajaú-Jacarepaguá foi fechada nos dois sentidos por cerca de 40 minutos, após confronto na favela Camarista Méier

Fábio Grellet, O Estado de S. Paulo

26 de fevereiro de 2015 | 20h49

RIO - A Autoestrada Grajaú-Jacarepaguá foi interditada nos dois sentidos durante cerca de 40 minutos, na noite desta quinta-feira, 26, após um tiroteio entre criminosos e policiais da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Camarista-Méier. Não há registro de feridos nem de presos.

A interdição começou às 19h20, minutos após o confronto ocorrido no favela Camarista Méier, e se manteve até por volta das 20 horas. Embora a interdição tenha sido determinada pela Polícia Militar, que tentava impedir a fuga de suspeitos pela via, uma tentativa de fechar a autoestrada partiu de um grupo de moradores da favela, em manifestação contra a violência na região.

Na quarta-feira, um tumulto após uma operação policial no morro São João, no Engenho Novo, terminou com um ônibus incendiado na rua 24 de Maio.

Tudo o que sabemos sobre:
Rio de Janeiroviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.