Fábio Motta/Estadão
Fábio Motta/Estadão

Bloco da Preta tem Gilberto Gil pela primeira vez

Folia no centro do Rio atrai 500 mil pessoas

Fernanda Nunes/Rio, O Estado de S. Paulo

31 Janeiro 2016 | 14h41

Cerca de 500 mil pessoas seguem o Bloco da Preta, da cantora Preta Gil, que começou por volta das 13h deste domingo, 31, no centro do Rio de Janeiro. No trio elétrico, Preta é acompanhada de artistas que a cantora batizou de "sua corte". Pela primeira vez, também participa o cantor e compositor Gilberto Gil, pai de Preta. Ele foi o primeiro a entrar no trio, acenando para os foliões, e começou sua apresentação cantando "o Rio de Janeiro continua lindo", verso da música 'Aquele Abraço'. 

Mas o público realmente demonstrou animação quando os atores de televisão saíram da van que transportou a "corte". A funkeira Ludmila foi agarrada no meio do caminho por uma fã que ultrapassou o cordao de isolamento. "O Bloco da Preta é o da diversidade. Aqui o importante é você ser você", afirmou a cantora ao iniciar a festa. 

Em frente à igreja onde se casou, no ano passado, Preta mandou um beijo para o padre e, sob gritos dos fãs, estimulou as mulheres a pedirem seus namorados em casamento. 

Entre os foliões, há cariocas e turistas de outros Estados que vieram especialmente para o bloco e que retornarão às suas cidades na segunda-feira, 1º. 

"Admiro a Preta como artista, ela tem família. São valores que eu também tenho", disse o estudante Alexandre Rosa, de 36 anos, que contou ter deixado a mãe doente, de quem cuida, em casa, para ter a oportunidade de tirar uma foto com a cantora baiana. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.