Buraco interdita cruzamento na região central de São Paulo

Cratera de 2 metros de diâmetro prejudica trânsito na avenida Amaral Gurgel e rua Marquês de Itu

Ricardo Valota,

08 de janeiro de 2008 | 07h32

Um buraco formado por vazamento na rede de esgoto da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) interditou deste o final da tarde de segunda-feira, 7, a faixa central do cruzamento entre a Avenida Amaral Gurgel e a Rua Marquês de Itu, na região central de São Paulo. A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) interditou uma faixa da Marquês de Itu e uma da Amaral Gurgel, sentido bairro. O vazamento da água carregou a terra e o asfalto acabou cedendo, abrindo uma cratera de 2 metros de diâmetro, na superfície, por quase 3 metros de profundidade. O diâmetro do buraco abaixo da superfície passa dos 5 metros. A previsão é de que o encanamento seja reparado e o buraco fechado até o meio-dia desta terça-feira.

Tudo o que sabemos sobre:
buracoSão Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.