Chacina na Baixada Fluminense deixa cinco adolescentes mortos

Vítimas tinham entre 15 e 18 anos; garoto de 12 anos foi baleado e está internado em hospital de Saracuruna, em Duque de Caxias

Sergio Torres, O Estado de S. Paulo

14 Outubro 2014 | 07h15

RIO - Cinco adolescentes foram mortos na noite desta segunda-feira, 13, no bairro Parque Paulista, em Duque de Caxias, cidade da Baixada Fluminense. De acordo com testemunhas, os assassinos usavam máscaras e chegaram ao local em um carro branco.

Os mortos tinham entre 15 e 18 anos, Um garoto de 12 anos, que acompanhava o grupo, foi baleado e está internado no Hospital Adão Pereira Nunes, em Saracuruna, distrito de Duque de Caxias.

A chacina aconteceu por volta das 21h. Às 23h15, manifestantes interditaram as pistas nos dois sentidos da rodovia que liga o Rio de Janeiro à cidade serrana de Teresópolis. Um carro foi queimado e ônibus tiveram os vidros destruídos. A estrada foi liberada pela polícia no início da madrugada desta terça-feira, 14.

A Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense, responsável pela investigação, ainda não divulgou os nomes das vítimas. Um deles, Dênis Alberto de Jesus, de 18 anos, foi reconhecido no local da matança por parentes.

Jesus e dois colegas morreram na hora. Outros dois jovens morreram no caminho para o hospital.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.