Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Chuva forte deixa bairros das zonas oeste e norte do Rio sem luz

Região da Baixada Fluminense também sofre com a falta de energia

Carina Bacelar, O Estado de S. Paulo

16 de fevereiro de 2015 | 13h36

RIO - Uma forte chuva que caiu na noite deste domingo, 15 no Rio deixou sem luz bairros das zonas oeste e norte - onde a precipitação foi mais intensa. O problema também foi verificado na região da Baixada Fluminense. A Light informou, na manhã desta segunda-feira, que ainda realizava reparos na rede para restabelecer o fornecimento de energia em bairros de Duque de Caxias e Nova Iguaçu, na Baixada, e em Campo Grande, na zona oeste. Segundo a empresa, a luz foi restabelecida em locais da Tijuca, São Cristóvão e Penha, na zona norte, e Jacarepaguá, na zona oeste. A companhia informou que as ocorrências se devem a queda de galhos e árvores pela cidade. 


Por causa das chuvas, o Instituto Estadual do Ambiente (Inea) informou que o Rio Pavuna, na Baixada Fluminense, transbordou às 19h. No entanto, segundo o corpo de bombeiros, não houve incidentes graves provocados pela chuva, como desabamentos e inundações. Por causa do temporal, uma árvore caiu na Avenida República do Chile, no centro do Rio, interditando o local. 


De acordo com o Centro de Operações Rio (COR), que monitora a cidade através de câmeras, o município entrou em estágio de atenção às 18h deste domingo e só voltou ao estágio de normalidade às 2h40. Segundo um informe do COR, "os núcleos de chuva que atuavam sobre o Rio de Janeiro se dissiparam" e não havia previsão de chuva para a manhã desta segunda-feira. A máxima prevista é de 35º. 


Chuvas são esperadas para o fim da tarde desta segunda-feira, acompanhadas de rajada de vento e trovoadas. De acordo com o sistema Alerta Rio, que analisa a situação climática da cidade por meio de satélites, as chuvas desta semana se devem à passagem de uma frente fria pelo oceano, perto do litoral da cidade.

Tudo o que sabemos sobre:
ChuvaRio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.