Conheça histórias de pessoas que foram vítimas de violência ao se perderem no Rio

Conheça histórias de pessoas que foram vítimas de violência ao se perderem no Rio

Neste sábado um casal de idosos entrou por engano na comunidade do Caramujo, em Niterói; mulher levou tiro nas costas e morreu

O Estado de S. Paulo

04 Outubro 2015 | 21h01

Um casal de idosos teve o carro metralhado na noite deste sábado, 3, ao entrar por engano na comunidade do Caramujo, em Niterói, na região metropolitana do Rio de Janeiro. De acordo com a Polícia Militar, Francisco e Regina Murmura vinham da capital e estavam a caminho da Praia de Charitas, mas o GPS indicou uma rua com o mesmo nome dentro da comunidade. Ao tentar sair do local, Regina acabou atingida nas costas e morreu no hospital.

Mais conteúdo sobre:
violência Rio de Janeiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.