FABIO MOTTA/ESTADÃO
FABIO MOTTA/ESTADÃO

Duque de Caxias tem dois PMs assassinados em menos de 12 horas

Dois sargentos foram atacados e morreram na cidade da Baixada Fluminense. A Polícia Civil investiga os casos

Roberta Jansen, O Estado de S.Paulo

07 Junho 2018 | 19h31

RIO - Em um intervalo de menos de 12 horas, dois policiais militares foram assassinados em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. De acordo com a PM, o sargento Robson Airon Coelho Alves, do 22º BPM (Maré), tinha 49 anos e foi atingido por disparos na porta de casa, no bairro de Vila Helena. A mulher do militar chegou a socorrê-lo e o levou ao Hospital Adão Pereira Nunes, mas ele não resistiu aos ferimentos. Alves tinha cinco filhos e estava na corporação há 20 anos.

+ Mulher é baleada em assalto no centro do Rio e suspeito é preso em igreja

Durante a madrugada, um outro PM já havia sido morto em uma tentativa de assalto no bairro de Gramacho, também em Duque de Caxias. O sargento Douglas Fontes Caulete, de 35 anos, do 15º BPM (Duque de Caxias), estava com a namorada quando foi cercado por pelo menos cinco criminosos armados. A mulher conseguiu escapar, mas os bandidos reconheceram Caulete como policial e ele foi morto com mais dez tiros. Ao reconhecer o corpo do filho no Instituto Médico Legal (IML), Maria José Fontes, de 56 anos, teve um enfarte. A assessoria da PM confirmou que ela chegou a ser levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Sarapuí, mas não resistiu.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.