Divulgação
Divulgação

Estudante é baleado em assalto no câmpus da UFRJ, na zona norte

Jovem saía do restaurante universitário e caminhava para o alojamento da instituição, onde mora, pela Av. Carlos Chagas Filho

Luciana Nunes Leal, O Estado de S. Paulo

30 Setembro 2015 | 13h49

RIO - O estudante de Psicologia Marlon Ricardo Barbosa, de 23 anos, foi baleado durante assalto no câmpus da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) na Ilha do Fundão, zona norte da capital fluminense, na noite de segunda-feira, 28. Ele saía do restaurante universitário e caminhava para o alojamento da UFRJ, onde mora, pela Avenida Carlos Chagas Filho, quando foi abordado por dois assaltantes. O universitário levou um tiro no pé, depois de entregar a carteira e o celular. 

Um colega de Marlon disse que os criminosos dispararam depois de o estudante pedir que não levassem os documentos. Em nota, a prefeitura da UFRJ informou que o patrulhamento na região foi reforçado. Segundo a universidade, em 2011 foram trocados todos os postes de iluminação da região onde Marlon foi assaltado, de pouco movimento de pedestre. 

A prefeitura recomenda que os alunos se locomovam nos ônibus disponibilizados pela universidade. Marlon foi atendido no Hospital Clementino Fraga Filho, na Ilha do Fundão, e recebeu alta na terça-feira, 29. O caso foi registrado na 37ª Delegacia de Polícia (Ilha do Governador). 

Mais conteúdo sobre:
baleadoufrjviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.