Fabio Motta/Estadão
Fabio Motta/Estadão

Forças Armadas realizam operações em Angra, no sul fluminense, e na Vila Vintém

Segundo informações do Comando Conjunto, mais de mil militares participam das ações

Daniela Amorim, O Estado de S.Paulo

22 Março 2018 | 11h59

RIO - As Forças Armadas realizam na manhã desta quinta-feira, 22, duas operações contra o crime organizado no Estado do Rio de Janeiro, deflagradas no contexto das medidas implementadas pela Intervenção Federal na Segurança Pública.

Segundo informações do Comando Conjunto, mais de mil militares participam das ações, em apoio à Secretaria de Estado de Segurança, que ocorrem, simultaneamente, na Comunidade do Frade, em Angra do Reis, no litoral sul fluminense, e na Vila Vintém, na zona oeste da capital.

+++ Temer sobre intervenção: relatos são de queda dos índices de criminalidade

Agentes da Polícia Civil tentam cumprir mandados de prisão contra criminosos. As operações mantém a estratégia de cercar a região para "estabilização dinâmica da área" e possível remoção de obstáculos construídos por bandidos nas vias de acesso às comunidades. 

Participam das ações 1.382 militares das Forças Armadas, 270 policiais militares, 50 policiais civis e 19 agentes da Polícia Rodoviária Federal, com apoio de veículos blindados, aeronaves e equipamentos pesados de engenharia. 

+++ Policial militar e morador são mortos durante tiroteio na Rocinha

Em nota, o Comando Conjunto alerta que algumas ruas e acessos às regiões podem ser interditados e setores do espaço aéreo podem ser controlados, com restrições dinâmicas para aeronaves civis. No entanto, não haverá interferência nas operações dos aeroportos.

+++ Rio de Janeiro tem novo fim de semana de violência

Os militares informam ainda que mantêm também nesta quinta-feira as operações de patrulhamento na Comunidade Vila Kennedy, na zona oeste do Rio.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.