Wilton Junior/Estadão
Wilton Junior/Estadão

Forças de Segurança fazem operação integrada na Região Metropolitana do Rio

Ao menos cinco pessoas foram presas; operação é a segunda realizada pelo Comando Conjunto da Intervenção em São Gonçalo desde sexta, 13

Constança Rezende, O Estado de S.Paulo

16 Julho 2018 | 10h09

RIO - As forças integradas de Segurança fazem uma operação em comunidades de São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio, na manhã desta segunda-feira, 16. Foram disponibilizados 4,3 mil militares das Forças Armadas, 120 policiais militares e 80 policiais civis. O grupo está concentrado nas comunidades Jardim Catarina e Complexo do Salgueiro.

+ Rio teve mais de 4 mil tiroteios em cinco meses de intervenção

Segundo o Comando Conjunto, a Polícia Civil cumprirá mandados judiciais, “respeitadas as restrições à inviolabilidade do lar”. A ação também envolve a remoção de barricadas colocadas por criminosos, revistas de pessoas e de veículos e checagem de antecedentes criminais.

Até às 6h30, cinco pessoas foram presas, duas armas apreendidas, seis barricadas foram removidas e dois carros roubados recuperados. 

+ Metas da intervenção no Rio vão de militares da reserva na PM a mais eventos cívicos

A operação é a segunda realizada pelo Comando Conjunto da Intervenção na região em quatro dias na região. Na operação de sexta-feira, 13, quatro pessoas foram presas e uma ferida.

A ação ocorre com o apoio de meios blindados, aeronaves e equipamentos de engenharia. Ela faz parte das medidas implementadas pela Intervenção Federal na Segurança Pública do Rio./Com informações da Agência Brasil

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.