Google Street View/Reprodução
Google Street View/Reprodução

Frentista é feito refém em tentativa de assalto na zona norte do Rio

Ladrão ficou sentado em uma camionete da PM, com a vítima ao lado, durante as negociações; depois, ele colocou a arma no chão

Alfredo Mergulhão, O Estado de S. Paulo

10 de fevereiro de 2016 | 10h08

RIO - Um homem foi feito refém durante uma tentativa de assalto a um posto de combustíveis na manhã desta quarta-feira, 10, na Penha, zona norte do Rio de Janeiro. A vítima ficou sob a mira de um revólver por cerca de 40 minutos, até o momento em que Flavio da Silva Lacerda, de 26 anos, rendeu-se aos policiais militares. A ocorrência foi registrada na 21ª Delegacia de Polícia, em Bonsucesso.

A tentativa de assalto aconteceu por volta das 6h30, quando duas pessoas armadas abordaram os frentistas. A ação foi frustrada por uma equipe do 16º Batalhão de Polícia Militar (Olaria). Um menor, de 16 anos, foi apreendido logo na chegada dos policiais. Lacerda fez um funcionário do estabelecimento refém. 

O ladrão ficou sentado na carroceria de uma camionete da Polícia Militar, com a vítima ao lado. Após as negociações, o assaltante colocou a arma no chão e se deitou. Ele foi algemado e revistado. A vítima saiu ilesa.

De acordo com a Polícia Civil, o maior de idade foi autuado por roubo majorado e o adolescente por fato análogo ao mesmo crime. Vítimas e testemunhas foram ouvidas na delegacia.

O posto de combustíveis fica na Avenida Brás de Pina, por onde passa uma linha de BRT. A circulação do sistema de transporte ficou suspensa durante a negociação entre policiais e o assaltante. O trânsito já voltou ao normal no local.

Tudo o que sabemos sobre:
OlariaPolícia Militar

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.