MARCOS ARCOVERDE/ESTADÃO
MARCOS ARCOVERDE/ESTADÃO

Homem é detido com faca no Aterro e multado em R$ 3 mil

Fiscalização na região ocorreu um dia após um executivo de 46 anos ter sido assaltado enquanto andava de bicicleta

Fábio Grellet, O Estado de S. Paulo

28 Agosto 2015 | 18h49

RIO - Um homem que caminhava pelo Aterro do Flamengo (zona sul do Rio) portando uma faca foi detido na manhã desta sexta-feira, 28, com base na lei estadual sancionada em junho que proíbe o porte de armas brancas. Abordado por policiais militares, ele foi conduzido à delegacia e liberado após o registro do caso, mas terá de pagar multa de R$ 3 mil.

André dos Santos Bento, de 35 anos, caminhava pelo Aterro nas imediações do monumento a Estácio de Sá quando foi abordado e revistado. Ao encontrarem a faca, com uma lâmina de aproximadamente 20 centímetros, os PMs levaram Bento à 10ª DP (Botafogo), onde ele foi autuado por infringir o art. 19 da Lei de Contravenções Penais, que pune o porte de arma sem licença da autoridade com prisão de 15 dias a 6 meses e multa.

O rapaz infringiu também outra lei, que proíbe o porte de armas brancas e impõe multa de R$ 2,4 mil a R$ 24 mil a quem desrespeitá-la. No caso, foi estipulada multa de R$ 3 mil. Se não pagar, Bento terá o nome inscrito em cadastro de devedores e sofrerá outras penalizações.

A fiscalização no Aterro ocorreu um dia depois que um executivo de 46 anos foi assaltado após andar de bicicleta pelo Aterro. Ele havia saído da ciclovia e percorria uma passarela nas imediações do Hotel Glória quando foi atacado a pedradas. Uma pedra atingiu sua cabeça e ele caiu da bicicleta, quebrando a clavícula e quatro costelas. Socorrido e internado, ele passa bem. Três ladrões fugiram com a bicicleta, avaliada em R$ 15 mil.


Mais conteúdo sobre:
Rio de Janeiro Aterro do Flamengo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.