Homem é espancado até a morte em frente a estação de metrô no Rio

A PM suspeita que a vítima estivesse envolvida com traficantes do morro da Pedreira, que fica perto do local onde ocorreu a agressão

Fábio Grellet, O Estado de S. Paulo

13 de novembro de 2014 | 23h05

RIO - Um homem morreu ao ser espancado com barras de ferro por um grupo de pessoas, na frente da estação de metrô de Coelho Neto, na zona norte do Rio, na tarde desta quinta-feira, 13. Ninguém foi preso. A Polícia Militar suspeita que a vítima estivesse envolvida com traficantes do morro da Pedreira, que fica perto do local onde ocorreu a agressão. Ele portava um aparelho de radiotransmissão.

Segundo o Metrô, a confusão começou por volta das 16h30 na frente da estação. Um grupo se envolveu em uma briga, e um homem correu para dentro da estação. Ali, até que os seguranças pudessem intervir, a agressão continuou. Os agressores fugiram com a chegada dos vigilantes, mas o homem já estava morto.

O caso está sendo investigado pela Divisão de Homicídios da Polícia Civil do Rio.

Tudo o que sabemos sobre:
Rio de Janeiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.