Reprodução/Google Street View
Reprodução/Google Street View

Homem é morto a tiros em posto de gasolina na zona oeste do Rio

Segundo a Delegacia de Homicídios do Rio, foi realizada perícia e testemunhas estão sendo ouvidas para apurar o caso

Vinicius Neder, O Estado de S.Paulo

29 de junho de 2019 | 12h32

RIO – Um homem de 39 anos foi morto em Magalhães Bastos, zona oeste do Rio, perto da Vila Militar, à beira da Avenida Brasil, na noite de sexta-feira. Segundo relatos colhidos pelo jornal Extra, o homem foi morto a tiros num posto de gasolina. A vítima foi identificada como Willian Pinheiro Rocha, informou a Polícia Civil.

Uma testemunha, que preferiu não se identificar e estava passando pelo local na hora do crime, disse ao Extra que “um sujeito atirou seis vezes contra esse homem, na frente de todo mundo”. “Foi uma execução”, afirmou a testemunha ao jornal carioca.

De acordo com a Delegacia de Homicídios da Capital, “foi realizada perícia e testemunhas estão sendo ouvidas” para apurar o caso. 

Niterói

Também na sexta-feira, um homem não identificado morreu durante uma operação da Polícia Militar (PM) do Rio no Morro do Estado, em Niterói, na região metropolitana. Segundo a assessoria de imprensa da PM, o homem morto seria um criminoso, pois os policiais da operação foram recebidos a tiros. 

“Houve confronto. Na ação um criminoso morreu, outro ficou ferido, quatro pessoas foram presas e um menor apreendido”, diz a nota enviada pela PM.

A operação também apreendeu dois fuzis, três pistolas, duas granadas, 800 gramas de maconha, 700 de cocaína, 12 rádios transmissores, 58 munições calibre 556 e 29 munições de calibre 9mm, informou a PM.

Tudo o que sabemos sobre:
Rio de Janeiro [cidade RJ]homicídio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.