Reprodução
Reprodução

Homem é morto na frente do filho e da mulher na Baixada

Houve ao menos 14 tiros contra carro onde família estava, na saída de shopping; mulher foi socorrida, mas também não resistiu

Constança Rezende, O Estado de S.Paulo

07 Julho 2016 | 15h46

RIO - Um homem foi morto na noite desta quarta-feira, 6, na frente do filho de 8 anos e da mulher, na saída do estacionamento de um shopping em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. A mulher, baleada, foi socorrida, mas morreu no fim da tarde desta quinta-feira, 7. Um vídeo, divulgado nas redes sociais, mostra o momento em que Denivaldo Silva, de 41 anos, é alvo de 14 tiros. O homem, que trabalhava como vigia, morreu no local.

 

A mulher de Silva, Andreia Ornelas, de 34 anos, que estava sentada no banco do carona do carro, também foi ferida. Ela foi levada para o Hospital Adão Pereira Nunes, também em Caxias, e acabou morrendo no fim da tarde desta quinta. O filho do casal não ficou ferido.

No vídeo, dois homens, vestidos com camisas da Polícia Civil do Rio e chapéus, abordam o carro na cancela do estacionamento do shopping e fazem disparos contra o vidro do motorista. Eles também atiram contra a janela lateral do carro, também na direção do vigia.

O crime aconteceu por volta das 22h, quando a família voltava para casa depois de uma sessão de cinema no estabelecimento. De acordo com o delegado Giniton Lages, da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense, que investiga o crime, foi realizada uma perícia no local para identificar os autores do crime, que fugiram.

O delegado acredita que o crime se trate de uma execução, já que os criminosos dispararam na direção de Silva e nada foi roubado. Eles também teriam demonstrado habilidade durante a ação. O delegado pretende ouvir o filho da vítima para obter mais informações.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.