Wilton Júnior/ Estadão
Wilton Júnior/ Estadão

Homem é preso após ejacular em passageira do Metrô do Rio de Janeiro

Em março, a polícia também registrou caso semelhante; em nota, MetrôRio afirma que 'repudia o abuso sexual em todas as suas formas'

Paulo Roberto Netto e Renata Okumura, O Estado de S.Paulo

09 Maio 2018 | 16h39

SÃO PAULO - Um homem foi preso nesta quarta-feira, 9, após ejacular na perna de uma passageira do Metrô no Rio de Janeiro. O caso aconteceu na estação Uruguaiana, no centro da cidade. Segundo o MetrôRio, a vítima viajava na Linha 2, no sentido Botafogo, quando foi abordada dentro do trem.

O homem foi conduzido para a Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam). A vítima também foi conduzida à Deam por funcionários do MetrôRio para prestar depoimento às autoridades policiais.

Desde que o episódio foi notificado aos agentes de segurança da estação, funcionários da concessionária estão acompanhando e prestando assistência à vítima.

+++ Homem é preso após ejacular no braço de mulher em trem no Rio

Em nota, o MetrôRio informa que repudia o abuso sexual em todas as suas formas. "A concessionária mantém campanhas informativas e trabalho permanente de vigilância contra abusos e delitos nas dependências do sistema.  Diariamente, 450 agentes e 160 auxiliares de plataforma realizam rondas nas estações e nos trens para coibir qualquer ocorrência deste tipo. A empresa orienta vítimas e testemunhas de abuso a acionar o Corpo de Segurança Metroviário sempre que necessário. Nessas situações, a vítima pode acionar o botão de segurança dentro dos trens, para facilitar e agilizar o atendimento", destacou a nota.

A concessionária também incentiva as vítimas a registrar a ocorrência na polícia e está à disposição das autoridades para ajudar a elucidar o caso, inclusive fornecendo imagens, sempre que solicitadas.

+++ Homem ejacula em pé de mulher dentro de vagão do Metrô do Rio de Janeiro

Segundo informações do 5ºBPM (Praça da Harmonia), policiais militares do batalhão prenderam o homem na estação de metrô Uruguaiana, no centro do Rio, na manhã desta quarta-feira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.