Homens do Comando Vermelho atiram em viatura em favela do Rio

Ataque aconteceu no Morro São João, no Engenho Novo, na  zona norte da capital, onde há uma Unidade de Polícia Pacificadora

Thaise Constancio, O Estado de S. Paulo

07 Outubro 2014 | 12h29

RIO - Traficantes da facção Comando Vermelho, que comanda o tráfico de drogas no Morro São João, no Engenho Novo, zona norte do Rio de Janeiro, atiraram em uma viatura policial que passava pela Rua Barão do Bom Retiro, segundo a Coordenadoria de Polícia Pacificadora (CPP).

Na manhã desta terça-feira, 7, agentes da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do São João foram checar uma denúncia sobre a presença de criminosos na localidade conhecida como Cotovelo, no alto da comunidade.

Segundo os policiais, houve troca de tiros, mas os traficantes conseguiram fugir. Não há informações sobre feridos e os agentes fazem buscas para tentar identificar os criminosos.

Lin. No Complexo de Favelas do Lins, na zona norte, também houve tiroteio no início da manhã desta terça-feira e ainda não há notícias de feridos. Nesta segunda-feira, 6, um soldado identificado apenas como Camilo, de 33 anos, foi baleado na cabeça enquanto patrulhava uma região conhecida como Gambá. Ele permanece internado em estado grave no Hospital Naval Marcílio Dias.

Na noite de segunda-feira, a CPP chegou a confirmar a morte do soldado, que estava lotado na UPP Camarista Méier, a 3 quilômetros do Lins, mas corrigiu a informação mais tarde.

Mais conteúdo sobre:
Rio de Janeiro Violência

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.