Google Street View
Google Street View

Idosa é mantida refém por quatro horas na Baixada Fluminense

Vítima de 67 anos foi ameaçada com uma faca de churrasco, mas foi resgata sem ferimentos em Duque de Caxias; homem foi preso

Mariana Durão, O Estado de S.Paulo

27 de dezembro de 2019 | 13h46

RIO - Um homem foi preso em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, após manter uma idosa como refém por cerca de quatro horas na manhã desta sexta-feira, 27. A vítima foi ameaçada com uma faca de churrasco, mas acabou sendo resgatada sem ferimentos.

De acordo com informações do telejornal RJTV, da TV Globo, Altina Conceição Moreira, de 67 anos, foi atacada por um homem identificado como Marcelo Santana, de 39. Ele trabalhava como pedreiro na casa dela e afirmava estar sendo perseguido. 

"Pensei que ia morrer", disse Altina à reportagem.

De acordo com a Secretaria de Estado de Polícia Militar, participaram da ação de resgate policiais da Unidade de Intervenção Tática (UIT) do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), acionados pelo 15º Batalhão de Polícia Militar (Duque de Caxias).

Após negociação, o criminoso se entregou e foi encaminhado pelo Corpo de Bombeiros ao Hospital Municipal Adão Pereira Nunes. O caso está sendo registrado na 60ª Delegacia de Polícia (Campos Elísios).  

Tudo o que sabemos sobre:
Duque de Caxias [RJ]sequestro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.