COELHO/FRAME/ESTADÃO CONTEÚDO
COELHO/FRAME/ESTADÃO CONTEÚDO

Incêndio destrói 50 boxes de camelódromo no Rio

Fogo em polo de comércio popular da Uruguaiana começou na madrugada de domingo e já está controlado; não há informações sobre feridos

CARINA BACELAR, O Estado de S. Paulo

11 Outubro 2015 | 10h37

RIO - Um incêndio destruiu cerca de 50 boxes do Camelódromo da Rua Uruguaia, polo de comércio popular da região central do Rio, na madrugada deste domingo, 11. Ao amanhecer, o fogo já havia sido controlado, mas bombeiros ainda faziam o trabalho de rescaldo. Não há informações sobre feridos no incidente.

O fogo começou a se alastrar entre 3h30 e 4h, quando os bombeiros foram acionados. Por causa do incêndio, uma das saídas da estação de metrô Uruguaiana, que fica ao lado do camelódromo, foi fechada. A operação da estação, entretanto, é realizada normalmente na manhã deste domingo. Peritos do Instituto de Criminalística Carlos Éboli (ICCE) estão no local e vão elaborar um laudo que deve determinar o que provocou o fogo.

Em julho deste ano, uma operação da Delegacia de Repressão a Crimes contra a Propriedade Imaterial (DRCPIM) fechou o camelódromo por pouco mais de uma semana para averiguar denúncias de comercialização de material pirata no local. Agentes da Secretaria Municipal de Ordem Pública participaram da ação.

Já em maio, um incêndio destruiu cinco lojas do centro de comércio popular do Saara, que fica ao lado do camelódromo da Uruguaiana. Não houve vítimas na ocasião. Uma das lojas era a Caçula, uma das mais tradicionais da região.

Mais conteúdo sobre:
Incêndio Camelódromo Uruguaia

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.