FABIO MOTTA/ESTADÃO
FABIO MOTTA/ESTADÃO

Justiça liberta namorada do Doutor Bumbum da cadeia

Renata Fernandes Cirne, de 19 anos, é acusada de participar do procedimento que terminou na morte da bancária Lilian Calixto. O médico e a sua mãe continuam detidos

Fábio Grellet, O Estado de S.Paulo

07 Agosto 2018 | 20h02

RIO - Detida desde 17 de julho, Renata Fernandes Cirne, de 19 anos, namorada do médico Denis Furtado, conhecido como Doutor Bumbum, teve sua prisão temporária de 30 dias suspensa nesta terça-feira, 7, pelo Tribunal de Justiça do Estado do Rio (TJ-RJ). Ela é acusada de participar do procedimento médico que causou a morte da bancária Lilian Calixto, na madrugada de 15 de julho. Segundo a Polícia Civil, Renata era responsável por captar clientes e marcar consultas para o médico.

Um habeas corpus foi impetrado em nome das quatro pessoas presas por conta do episódio, inclusive o próprio médico, mas a 7ª Câmara Criminal decidiu libertar apenas Renata. Ela está grávida e cumpria pena no Presídio Talavera Bruce, em Bangu (zona oeste do Rio), onde há uma ala específica para detentas nessa situação. Furtado e a sua mãe, a médica Maria de Fátima, continuam presos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.