Lula faz campanha pelo Cristo como Maravilha

Monumento carioca está entre os dez mais votados na campanha que vai escolher as Sete Novas Maravilhas

Rosana de Cássia,

14 de junho de 2007 | 10h26

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva embarcou às 8h05 desta quinta-feira, 14, para o Rio de Janeiro, onde participará, aos pés da estátua, do ato de apoio à campanha "Vote no Cristo" entre as sete novas maravilhas do mundo. No local, Lula vai receber a camiseta da campanha com a inscrição "Vote no Cristo. Ele é uma Maravilha".   Os ministros da Saúde, José Gomes Temporão, e da Justiça, Tarso Genro, participam da solenidade. O Cristo Redentor é um dos dez finalistas para a eleição das novas Sete Maravilhas do Mundo. A Fundação New Seven Wonders divulgou na semana passada, a lista, em ordem alfabética, das construções que estão na reta final para serem escolhidas.   Em maio, o Cristo estava entre os 18 primeiros colocados. "Estamos surpresos e bastante otimistas na reta final", disse Sávio Neves, secretário-executivo da comissão organizadora da campanha no Brasil. "Grande parte dessa virada devemos ao voto por torpedo pelo celular, nos últimos 15 dias, com a liberação da tarifa de R$ 0,31 pelas operadoras de telefonia. Com isso, temos 90 milhões de potenciais eleitores", disse ele, que também é diretor do Trem do Corcovado.   A fundação, com sede em Zurique, é a organizadora do concurso que terminará em 7 de julho, em cerimônia no Estádio da Luz, em Lisboa. Nesta data serão conhecidos os resultados das votações recolhidas por mensagens de texto enviadas através do celular e pela internet.   A fundação "New 7 Wonders" foi criada em 2001 pelo filantropo suíço Bernard Weber, com o objetivo de proteger o patrimônio da humanidade. De início, ela era mantida com as contribuições de seu próprio criador, mas depois as doações foram aumentando.   De acordo com a fundação, já foram contabilizados cerca de 50 milhões de votos. O processo de votação pode ser acompanhada no site.   Maravilhas   A organização decidiu considerar as Pirâmides de Gizé (Egito) como candidata honorária. Por isso, não é possível votar nelas, já que é a única maravilha do mundo que ainda está de pé desde que Filon de Bizâncio elaborou sua lista de maravilhas no ano 200 a.C. Outro projeto da fundação é reconstruir os Budas de Bamiyan do Afeganistão, do século IV d.C., que foram destruídos pelos talebans em março de 2001.   Graças ao Instituto Federal Suíço de Tecnologia de Zurique, a fundação já conseguiu fazer uma reconstrução virtual das colossais estátuas, que mediam 55 metros de altura. Com isso, a fundação espera somente a autorização do Governo afegão para iniciar a reconstrução.   As sete maravilhas do mundo antigo eram as Pirâmides de Gizé; os Jardins Suspensos da Babilônia; a Estátua de Zeus em Olímpia; o Templo de Ártemis em Éfeso; o Mausoléu de Halicarnasso; o Colosso de Rodes; e o Farol de Alexandria.   » Escolha as Sete Novas Maravilhas do Mundo » Os 21 finalistas » Cristo é um dos dez mais votados para as Novas Maravilhas » Cristo Redentor está na disputa das 7 maravilhas do mundo  

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.