Hélvio Romero/Estadão
Hélvio Romero/Estadão

Menino de dois anos é morto por bala perdida no Estado do Rio

Criança estava na rua com os pais quando um rapaz chegou de carro e começou a atirar na direção de um desafeto, em Barra Mansa

Fábio Grellet, O Estado de S.Paulo

26 de julho de 2021 | 16h50

Um menino de dois anos morreu atingido por uma bala perdida em Barra Mansa, município no sul do Rio de Janeiro, na noite do sábado, 24. A criança estava na rua com os pais quando um rapaz chegou de carro e começou a atirar na direção de um desafeto. Uma das balas atingiu o menino, que chegou a ser socorrido, mas morreu no hospital.

Segundo a Polícia Militar, várias crianças brincavam na rua Geraldo de Paula, no bairro Paraíso de Cima, onde também havia adultos na calçada. Por volta das 20h, um homem chegou de carro e disparou vários tiros na direção de Anderson Leite Antero Miranda, de 21 anos, que foi baleado. Um dos tiros atingiu Ycaro Miguel Sigilião dos Santos, que estava com os pais. O atirador conseguiu fugir e não havia sido identificado até a publicação desta reportagem.

Atingido na cabeça, o menino de dois anos foi levado à Santa Casa de Barra Mansa, onde acabou morrendo. A instituição informou que "a criança chegou ao hospital com parada cardíaca e que foi realizado procedimento para reversão do quadro. Porém, ela não resistiu e faleceu ainda na noite de sábado, às 20h57".

Alvo original dos tiros, Miranda foi levado ao Hospital São João Batista, em Volta Redonda (cidade vizinha a Barra Mansa), onde, até a noite do domingo, 25, estava internado em estado gravíssimo.

O caso é investigado pela 90ª DP (Barra Mansa), que tenta identificar o atirador.

Tudo o que sabemos sobre:
Barra Mansa [RJ]bala perdida

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.