MARCOS DE PAULA/Estadão
MARCOS DE PAULA/Estadão

Ministério da Justiça prorroga Força Nacional no Rio até o fim do ano

Portaria publicada no Diário Oficial da União determina que as equipes continuarão realizando ações 'na recuperação da ordem pública através do policiamento ostensivo'

Constança Rezende, O Estado de S.Paulo

04 de setembro de 2017 | 09h14

RIO - O Ministério da Justiça autorizou a prorrogação da Força Nacional de Segurança Pública no Rio de Janeiro até o final deste ano.  A decisão foi publicada no Diário da Oficial da União, desta segunda-feira, 31. De acordo com o órgão, as equipes continuarão realizando ações de segurança pública, em apoio ao Governo do Estado, "na recuperação da ordem pública, através do policiamento ostensivo". 

A portaria que autoriza a continuidade da operação é assinada pelo ministro Torquato Jardim. No documento, está prevista "a atuação das equipes nas ações de policiamento ostensivo, polícia judiciária, e perícia forense". " O objetivo é reduzir o número de homicídios dolosos e combater a criminalidade organizada transnacional, em especial ao tráfico de drogas e de armas", disse o ministério, por meio de nota.

A operação faz parte do Plano Nacional de Segurança Pública e tem o apoio de outras forças de segurança do estado, como as polícias civil e militar. Também conta com o reforço da Polícia Federal e da Polícia Rodoviária Federal (PRF). A Força Nacional realiza ações no Rio desde dezembro de 2016 a pedido do governo local.

"Os profissionais disponibilizados pela Secretaria Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça e Segurança Pública obedecem ao planejamento definido pelos entes envolvidos na operação. O prazo do apoio prestado pela FNSP poderá ser prorrogado, se necessário", informou o órgão.

Mais conteúdo sobre:
Força Nacional

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.