Morre menina de 5 anos atingida na cabeça por tiro em Itaguaí, no Rio

Morre menina de 5 anos atingida na cabeça por tiro em Itaguaí, no Rio

Esther Vitória de Melo Pires estava internada em estado grave desde a quarta-feira. Suspeito de efetuar o disparo foi preso pela polícia

Fábio Grellet, O Estado de S.Paulo

21 de julho de 2022 | 22h21

Uma menina de 5 anos morreu nesta quinta-feira, 21, menos de 24 horas após ser baleada na cabeça, na favela do Carvão, em Itaguaí (região metropolitana do Rio), onde morava. Esther Vitória de Melo Pires estava internada em estado grave no hospital municipal Pedro 2º, em Santa Cruz (zona oeste do Rio), e segundo a secretaria municipal de Saúde do Rio de Janeiro não resistiu aos ferimentos e morreu durante a madrugada.

Na noite de quarta-feira, 20, as polícias Civil e Militar prenderam um homem suspeito de ser o autor do tiro que atingiu Esther – o nome dele não foi divulgado. Ele mora na favela do Engenho, também em Itaguaí, e segundo a polícia confessou o crime.

Conforme os policiais, o rapaz contou que integra uma facção criminosa e flagrou um confronto entre um comparsa e um criminoso de outra facção. Então atirou contra o adversário, mas acabou atingindo a criança na cabeça.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.