No Rio, Tarso lança PAC da Segurança e cita 'Tropa de Elite'

Ministro diz que filme serve de exemplo a policiais e jovens traficantes durante o lançamento Pronasci

Talita Figueiredo, do Estadão,

27 de novembro de 2007 | 11h49

O Ministro da Justiça, Tarso Genro, citou o filme Tropa de Elite no lançamento do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci), o PAC da Segurança, na segunda-feira, 26, no Rio de Janeiro. Tarso afirmou que o filme "revela todas as ambigüidades e contradições do País". Para ele, deve servir de exemplo tanto para novos policiais quanto para jovens não entrarem no tráfico de drogas.  "Não quero que o policial atue como o capitão Nascimento, colocando um saco na cabeça do bandido para que ele confesse um crime", afirmou. Ao mesmo tempo, disse que o filme também deve servir para alertar os jovens dos riscos de entrar no crime organizado. Segundo o ministro, os jovens envolvidos no tráfico devem ser "resgatados", para que eles não sejam submetido "a esse tipo de violência". Tarso afirmou que uma das intenções do Pronasci é fazer com que os jovens se "encontrem com a sociedade formal" e tenham disponíveis "programas educacionais, de formação". Só assim, segundo o ministro, eles não se submeteriam ao crime organizado e "à violência que é desenvolvida por novos policiais."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.