Nove pessoas ficam feridas em tumulto em estação de barcas

Confusão começou quando uma mulher gritou que tinha visto um rato; correria fez passageiros pensarem que houvesse assalto

Clarissa Thomé, O Estado de S. Paulo

15 de setembro de 2014 | 11h59

RIO - Pelo menos nove pessoas ficaram feridas num tumulto ocorrido na manhã desta segunda-feira, 15, na Estação das Barcas em Niterói, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro. O tumulto aconteceu quando cerca de 800 pessoas aguardavam na ponte de embarque, às 10h. Ao ouvir o grito de uma mulher, que havia avistado um rato, os passageiros correram em direção à saída. Sem saber o que estava acontecendo, as pessoas entraram em pânico.

Algumas perguntavam se era assalto. Outras diziam que havia "alguém armado". Na correria, alambrados de ferro foram derrubados e duas mulheres caíram por cima deles. Um idoso bateu a cabeça no chão e uma senhora teve a perna pisada por quem tentava escapar. O tumulto só parou quando um homem gritou para as pessoas pararem de correr, porque era "só um rato".

Os passageiros feridos foram atendidos na própria estação de Niterói.
Tudo o que sabemos sobre:
Rio de JaneiroNiterói

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.