Ônibus do BRT Transoeste é incendiado na zona oeste do Rio

Segundo a PM, moradores da Favela de Antares, em Santa Cruz, atearam fogo no coletivo em protesto contra operação policial

Roberta Pennafort, O Estado de S. Paulo

12 de junho de 2015 | 11h27

RIO - Um ônibus da linha alimentadora do BRT Transoeste foi incendiado em Santa Cruz, na zona oeste do Rio de Janeiro, na manhã dessa sexta-feira, 12. Segundo informações preliminares da Polícia Militar, moradores da Favela de Antares atearam fogo ao veículo, que trafegava pela Avenida Antares, em protesto contra uma operação policial na comunidade. O funcionamento do BRT na região está prejudicado por causa do incidente.

O corredor expresso de ônibus (BRT, na sigla em inglês) Transoeste foi inaugurado em 2012. De lá para cá, vem sofrendo depredações. Em janeiro, duas estações foram atacadas em um protesto de moradores da Favela do Rola, também em Santa Cruz. Eles atearam fogo na Estação Cesarão 2 e atiraram pedras na Cesarão 3 depois que uma criança foi ferida por estilhaços de bala em uma operação da PM.

Tudo o que sabemos sobre:
Rio de JaneiroViolênciaBRT

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.