Passageiros de ônibus baleados durante assalto no centro do Rio

Tiroteio teve início com os assaltantes ainda dentro do coletivo; um dos passageiros foi baleado na cabeça e continua internado em em estado grave

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

13 Julho 2011 | 04h33

SÃO PAULO - Uma tentativa de assalto a um ônibus deixou um saldo de dois bandidos, dois passageiros e um policial militar baleados, na noite de terça-feira, 12, durante uma troca de tiros entre os dois criminosos e PMs na Avenida Presidente Vargas, região central do Rio.

 

A dupla, segundo a polícia, estava armada com uma pistola calibre 45, entrou no ônibus, da Viação Redentor, que fazia a linha Curicica/Castelo, e anunciou assalto quando o coletivo trafegava pela pista lateral da Avenida Brasil, no bairro do Caju, na zona norte. A Polícia Militar foi acionada e começou a acompanhar o coletivo na Presidente Vargas. Lotados no Grupamento de Policiamento Transportado, os PMs conseguiram fechar o ônibus, mas os bandidos não se renderam segundo os passageiros.

 

No tiroteio, o passageiro Manoel Francisco Nunes, de 51 anos, que também é cobrador de ônibus, foi ferido na cabeça por uma bala perdida e continua internado em estado grave no Hospital Municipal Souza Aguiar. Outro passageiro, Artur Lopes da Silva, foi atingido na perna; já um dos PMs foi ferido no pé. Os assaltantes Rosildo Francisco de Lima, 41, e Jailson de Lima da Silva, 21, sobrinho de Francisco, também foram baleados.

 

Após ser medicada, a dupla foi levada para a 6ª Delegacia, de Cidade Nova e autuada em flagrante por tentativa de homicídio, resistência e porte ilegal de arma.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.