Pezão lamenta morte de PM e diz que ataques a UPPs não o intimidam

Uanderson Manoel da Silva foi o primeiro comandante de Unidade de Polícia Pacificadora morto em serviço desde o início do programa

O Estado de S. Paulo

11 de setembro de 2014 | 22h41

RIO - O capitão Uanderson Manoel da Silva foi o primeiro comandante de Unidade de Polícia Pacificadora morto em serviço desde o início do programa, em 2008. Desde o início do ano, outros seis PMs que atuam em UPPs morreram no Rio.  O governador Luiz Fernando Pezão lamentou a morte de Silva e disse que ataques às UPPs não o intimidam.

"Quero me solidarizar com a esposa e a filha do Uanderson, que morreu trabalhando em defesa da paz dos moradores do Alemão. Em momentos como este, temos ainda mais determinação para não recuar e manter nosso compromisso com a pacificação, que reduziu a taxa de homicídios nas comunidades. Não vamos permitir que bandidos tirem covardemente a vida dos nossos policiais", afirmou.

Para Pezão, os ataques recentes às UPPs são uma tentativa de desmoralizar o programa. "Tentativas como essa não nos intimidam". O governador afirmou ainda que nesta sexta-feira formaliza a permanência do Exército no Complexo da Maré.

Os demais policiais mortos foram a soldado Alda Rafael Castilho, de 27 anos, em 02 de fevereiro (UPP Parque Proletário), soldado Rodrigo de Souza Paes Leme, de 33 anos, em 6 de março (UPP Nova Brasília), o soldado Wagner Vieira Cruz, de 33 anos, ferido na madrugada do dia 28 de fevereiro em 6 de março, e o aspirante a oficial Leidson Acácio Alves Silva, de 27 anos, em 13 de março (ambos da UPP Vila Cruzeiro, no Complexo do Alemão, o soldado Fábio Gomes da Silva, de 30 anos, em 23 de junho (UPP Fazendinha), e o soldado Weslley dos Santos da Silva Lucas, de 30 anos, em 12 de agosto (UPP Coroa/Fallet/Fogueteiro).

Tudo o que sabemos sobre:
Alemão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.