PM realiza três operações no Rio e apreende armas e drogas

Policiais também encontraram no local três fardas de uso exclusivo do Exército

15 de novembro de 2007 | 19h40

A Polícia Militar apreendeu drogas e armas nesta quinta-feira, 15, em três operações no Rio. Em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, policiais do batalhão local (15º BPM) estouraram um acampamento de traficantes na favela Vai Quem Quer, no bairro Figueira, que estava sendo usado para a embalagem de drogas. Foram apreendidos 300 sacolés de cocaína, 200 trouxinhas de maconha, uma espingarda calibre 28 e uma réplica de pistola calibre 45. Os policiais também encontraram no local três fardas de uso exclusivo do Exército, um binóculo e um radiotransmissor, além de utensílios domésticos que estavam na barraca. Na favela de Parada de Lucas, na zona norte do Rio, uma ação planejada pelo Batalhão de Olaria (16º BPM) para recuperar um carro roubado, terminou com a apreensão de 14 bombas caseiras, munição, oito quilos de maconha e cerca de trezentos sacolés de cocaína. O material e o carro roubado, um Renault prata, foram levados para a delegacia de Brás de Pina, mas ninguém foi preso.  Na zona sul da capital, policiais militares do Batalhão do Leblon (23º BPM) enfrentaram traficantes no Morro dos Cabritos, próximo à Ladeira do Sacopã, na Lagoa. Na troca de tiros um bandido morreu e outro foi baleado e socorrido num hospital municipal em Botafogo. Com os dois, os policiais apreenderam um fuzil calibre 762 e uma pistola, levadas para a delegacia da Gávea.

Mais conteúdo sobre:
Polícia Militar

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.