WILTON JUNIOR / ESTADÃO
WILTON JUNIOR / ESTADÃO

Polícia do Rio prende mais de 400 pessoas durante o carnaval fora de época

Corporação destacou cerca de dez mil homens para realizar a segurança ao longo do feriado de Tiradentes. Sambódromo e blocos de rua agitaram a cidade e atraíram milhares de pessoas

Roberta Jansen, O Estado de S.Paulo

25 de abril de 2022 | 11h43

RIO - Pelo menos 444 adultos foram presos e 47 adolescentes foram apreendidos durante o feriado prolongado de Tiradentes e São Jorge, no Rio. No período, as escolas de samba e alguns blocos se apresentaram no carnaval fora de época promovido tardiamente após o adiamento da festa de 2022 por causa pandemia de covid-19.

De acordo com a Polícia Militar, ao longo dos quatro dias do feriadão foram apreendidas 47 armas de fogo e onze réplicas de pistola. Somente no Centro, foram presas 17 pessoas, apreendidos quatro adolescentes e recuperados 14 aparelhos telefônicos roubados ou furtados, além de armas de fogo falsas.

Pelo menos dez mil policiais militares atuaram de forma extraordinária para garantir a segurança entre os dias 20 e 24 de abril. Apenas na área central da capital, foram mais de três mil homens designados para patrulhar os arredores do Sambódromo, onde ocorreram os desfiles das escolas de samba, bem como áreas próximas. Também houve patrulhamento na Central do Brasil, Lapa e Boulevard Olímpico, onde desfilaram alguns blocos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.