Divulgação / Polícia Federal
Divulgação / Polícia Federal

Polícia Federal e Receita e apreendem 380 kg de cocaína no Porto do Rio

Navio teria partido do Porto de Santos, em São Paulo, com destino a Valência, na Espanha

Marcio Dolzan, O Estado de S.Paulo

12 de novembro de 2020 | 09h58

A Polícia Federal, com auxílio da Receita, apreendeu 380 kg de cocaína no Porto do Rio na noite de quarta-feira, 11. A droga estava em contêineres e acondicionada em tabletes no interior de caixas que seria de papel A4.

Segundo a PF, a droga tinha como destino a cidade portuária de Valência, na costa sudeste da Espanha. O navio havia partido já com a carga do Porto de Santos, em São Paulo.

Toda a cocaína apreendida foi encaminhada à Superintendência da Polícia Federal no Rio, onde está sendo feita a pesagem definitiva da carga e formalizado o auto de apreensão.

Esta foi a segunda grande apreensão da droga no Porto do Rio em menos de uma semana. Na última sexta-feira, 6, policiais federais e agentes da Receita já haviam encontrado 780kg de cocaína em sacolas usadas para transportar minério de ferro. Elas estavam escondidas em meio a grandes volumes do minério, quer era transportado solto em quatro contêineres. A cocaína seguiria para Antuérpia, na Bélgica. Ninguém foi preso.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.