WILTON JUNIOR / ESTADÃO
WILTON JUNIOR / ESTADÃO

Filhos de Flordelis são indiciados por caso da morte do pastor Anderson

Flávio e Lucas estão presos desde junho sob suspeita de envolvimento com a morte de Anderson do Carmo de Souza, marido da deputada. Investigações passarão pelo crivo do Ministério Público

Fábio Grellet, O Estado de S.Paulo

14 de agosto de 2019 | 17h39

RIO - Quase dois meses após o assassinato do pastor Anderson do Carmo de Souza, marido da deputada federal Flordelis (PSD-RJ), dois filhos dela foram indiciados pela Polícia Civil nesta quarta-feira (14). Flávio dos Santos Rodrigues, que tem 38 anos e é filho de Flordelis e de seu primeiro marido, e Lucas Cezar dos Santos de Souza, de 18 anos, filho adotado por ela e pela própria vítima,  são acusados de homicídio qualificado.

O inquérito foi encaminhado pela Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSGI)  ao Ministério Público do Estado do Rio (MP-RJ), que vai decidir se denuncia os dois, arquiva o caso ou pede que a investigação  prossiga. Também foi pedida a prisão preventiva dos dois acusados, que estão presos desde 17 de junho na carceragem da própria Delegacia de Homicídios.

Segundo a delegada Bárbara Lomba, titular da especializada, o inquérito foi desmembrado e agora será dado início à segunda fase da investigação, cujo objetivo é identificar a participação de eventuais coautores no crime.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.