Polícia prende dono de creche suspeito de abuso sexual no RJ

Suspeito foi responde por cinco acusações; se condenado, pode cumprir pena de até 15 anos para cada crime

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

14 Janeiro 2010 | 10h20

O diretor de uma creche na Tijuca, zona norte do Rio, Paulo Maurício de Lima Barcelos, de 42 anos, foi preso nesta quinta-feira, 14, por policiais da Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima (Dcav), acusado de ter abusado sexualmente de cinco crianças com idades entre 4 a 6 anos.

 

Os policiais cumpriram o mandado de prisão preventiva, expedido pela 40ª Vara Criminal da Capital, após conclusão das investigações, iniciadas a partir de denúncia feita pelos responsáveis das supostas vítimas.

 

Encaminhado à Justiça, o suspeito foi denunciado cinco vezes pelo crime de estupro de vulnerável. Caso seja condenado, Paulo pode cumprir pena de 8 a 15 anos de reclusão para cada crime.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.