Policial de UPP é baleado na cabeça no Complexo do Alemão

PM foi atacado quando fazia patrulhamento na comunidade Nova Brasília, uma das mais violentas da região, e está em observação

Tiago Rogero, O Estado de S. Paulo

13 de novembro de 2014 | 08h58

RIO - Um policial militar foi baleado na cabeça na noite desta quarta-feira, 12, em confronto com suspeitos no Complexo de Favelas do Alemão, na zona norte do Rio de Janeiro, ocupado por Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs). O militar, segundo a PM, foi atingido "superficialmente", estava consciente quando socorrido, foi encaminhado ao Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha, e está em observação.

O policial ferido, que não teve nome e patentes divulgados, fazia patrulhamento com uma equipe da UPP quando foram atacados, na comunidade Nova Brasília, uma das mais violentas do Alemão.

Foi o terceiro PM ferido no Alemão em menos de uma semana. Na terça-feira, 11, um militar foi atingido na mão por um disparo; no domingo, 9, outro policial foi ferido no braço. Uma adolescente de 14 anos também foi atingida na terça-feira, na perna. 

Na segunda-feira, 10, um jornalista do portal G1 foi rendido e agredido por criminosos no Alemão. Ao ser questionado pelo Estado se as UPPs estavam em crise, na sexta-feira passada, 7, o secretário de Segurança, José Mariano Beltrame, afirmou que "crise existia antes, no tempo em que você (repórter) não podia ir lá (ao Alemão)".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.