Preso mais um integrante de família de assaltantes no Rio

Segundo a polícia, bandido é um dos principais ladrões de carro que agem na zona sul da capital fluminense; dois irmãos dele já cumprem pena

estadão.com.br,

28 Setembro 2011 | 06h05

SÃO PAULO - Foi preso, no início da madrugada desta quarta-feira, 28, o assaltante Rodrigo Grasso, de 32 anos, apontado pela polícia como um dos principais ladrões de carro que atuam na zona sul do Rio. Rodrigo pertence à quadrilha da família Grasso.

 

Agentes da Polinter investigavam Rodrigo havia cerca de um mês, logo depois do criminoso ter praticado uma série de roubos e, na fuga, ter trocado tiros com policiais civis da delegacia do Catete. Os investigadores localizaram o assaltante na Rua Vista Alegre, no acesso do Morro da Coroa, em Santa Tereza. Grasso estava desarmado.

 

Quadrilha. Dois irmãos dele, Cristiano, de 40 anos, e Ronaldo, de 35, cumprem pena por roubos e homicídios praticados nos bairros do Leblon, Barra da Tijuca, Botafogo, Gávea, Cidade Nova e em Niterói. Ronaldo, segundo a polícia, participou de um arrastão ocorrido em 2010 na Rua Faro, no Jardim Botânico. Um terceiro irmão, Marcelo, na época com 41 anos, foi morto em 2001. O primo deles, Daniel Grasso, 27, foi baleado e morto no mesmo ano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.