Presos 5 acusados de integrar milícia em favela no Rio

A polícia prendeu no começo da noite cinco supostos integrantes de uma milícia que atua na Favela Kelson's, na Penha, zona norte do Rio de Janeiro. Com o bando foram apreendidas duas pistolas, um revólver, duas granadas e uma lista com nomes de comerciantes que possivelmente pagavam propina ao grupo. O caso será registrado no 22º Distrito Policial, da Penha. O líder comunitário Jorge Siqueira da Silva Neto, que durante meses denunciou a participação de PMs na milícia da favela Kelson''''s, está desaparecido desde sexta-feira. Hoje a polícia informou suspeitar de três policiais militares pelo desaparecimento, por motivo de vingança.

ELVIS PEREIRA, Agencia Estado

10 Setembro 2007 | 20h16

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.