Polícia Militar/Divulgação
Polícia Militar/Divulgação

Quatro pessoas são presas em Copacabana após sequestro relâmpago 

Uma pessoa foi feita refém, e a rua chegou a ser interditada pela polícia

Daniela Amorim, O Estado de S. Paulo

20 Janeiro 2017 | 12h13

RIO - Quatro pessoas foram presas nesta quinta-feira, 19, num prédio em Copacabana, zona sul do Rio de Janeiro, depois de conduzirem um sequestro relâmpago. Uma pessoa foi feita refém, e a rua chegou a ser interditada por agentes do 19º Batalhão da Polícia Militar, de Copacabana, e do 23º Batalhão, do Leblon.

Os criminosos, três homens e uma mulher, foram capturados em um edifício na Rua Bulhões de Carvalho. O grupo tinha feito um sequestro relâmpago nas imediações da Praça da Bandeira, na zona norte da cidade, e obrigado a vítima a levá-los ao seu apartamento. 

Um dos bandidos fez um idoso refém, mas a vítima foi liberada após o cerco montado pelos policiais militares. 

Além das prisões, os policiais apreenderam com os criminosos um revólver calibre 38. O crime foi registrado na Divisão Antissequestro (DAS).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.