Rio lança comitê contra novo Código Florestal

Para os organizadores do movimento, o projeto incentiva o desmatamento e anistia os crimes ambientais

Agência Brasil,

09 Setembro 2011 | 15h52

Ambientalistas e entidades da sociedade civil lançaram hoje (9), no Rio de Janeiro, um comitê contra o novo Código Florestal, já aprovado pela Câmara dos Deputados. Para os organizadores do movimento, o projeto incentiva o desmatamento e anistia os crimes ambientais. O texto está tramitando no Senado.

 

O movimento no Rio é ligado ao Comitê Nacional em Defesa das Florestas e do Desenvolvimento Sustentável, que reúne 112 organizações da sociedade civil em torno da campanha Floresta Faz a Diferença. O objetivo é mobilizar a população para pressionar o Senado a fazer mudanças no texto.

 

“Estamos mobilizando a sociedade, porque temos a Rio+20 (Conferência das Nações Unidas em Desenvolvimento Sustentável). A sociedade quer reforçar que deseja mais proteção ambiental”, disse o secretário estadual do Ambiente do Rio de Janeiro, Carlos Minc.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.