Divulgação/PM
Divulgação/PM

Sargento morto em Queimados é o 106º PM assassinado no RJ em 2017

PM estava à paisana e foi morto por criminosos que roubaram a moto e a arma dele

Bibiana Borba, O Estado de S.Paulo

11 Outubro 2017 | 06h44

Chega a 106 o número de policiais militares assassinados no Estado do Rio de Janeiro em 2017, de acordo com os dados da corporação. Na noite desta terça-feira, 10, o sargento Marcelo Galvão foi morto a tiros na cidade de Queimados, na Baixada Fluminense. A suspeita inicial é de que ele tenha sido vítima de latrocínio.

Tiroteio em Queimados deixa um morto e feridos

+ Mulher de Nem, Xerifa da Rocinha é presa na Ilha do Governador 

Conforme o 24º Batalhão de Polícia Militar (BPM), onde o PM trabalhava, ele estava de folga, à paisana, e dirigia sua moto pessoal na região do Jardim Alzira. Dois criminosos abordaram o sargento por volta das 20 horas e, ao perceber que ele era policial, atiraram várias vezes e o mataram, segundo os relatos de testemunhas à polícia. Os homens fugiram levando a arma e a moto de Galvão.

Operação das Forças Armadas deixa quase 2.500 alunos da rede pública sem aulas na Rocinha


 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.