Divulgação/PM
Divulgação/PM

Sargento morto em Queimados é o 106º PM assassinado no RJ em 2017

PM estava à paisana e foi morto por criminosos que roubaram a moto e a arma dele

Bibiana Borba, O Estado de S.Paulo

11 de outubro de 2017 | 06h44

Chega a 106 o número de policiais militares assassinados no Estado do Rio de Janeiro em 2017, de acordo com os dados da corporação. Na noite desta terça-feira, 10, o sargento Marcelo Galvão foi morto a tiros na cidade de Queimados, na Baixada Fluminense. A suspeita inicial é de que ele tenha sido vítima de latrocínio.

Tiroteio em Queimados deixa um morto e feridos

+ Mulher de Nem, Xerifa da Rocinha é presa na Ilha do Governador 

Conforme o 24º Batalhão de Polícia Militar (BPM), onde o PM trabalhava, ele estava de folga, à paisana, e dirigia sua moto pessoal na região do Jardim Alzira. Dois criminosos abordaram o sargento por volta das 20 horas e, ao perceber que ele era policial, atiraram várias vezes e o mataram, segundo os relatos de testemunhas à polícia. Os homens fugiram levando a arma e a moto de Galvão.

Operação das Forças Armadas deixa quase 2.500 alunos da rede pública sem aulas na Rocinha


 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.