Reprodução
Reprodução

Sargento que matou vizinho negro ao confundi-lo com ladrão será acusado de homicídio intencional

Caso ocorreu em condomínio de São Gonçalo; militar disparou três vezes

Fábio Grellet, O Estado de S.Paulo

04 de fevereiro de 2022 | 16h57

RIO - O sargento da Marinha Aurélio Alves Bezerra, que na noite de quarta-feira, 2, matou com três tiros um vizinho após afirmar tê-lo confundido com um assaltante, na frente do prédio em que moravam, em São Gonçalo (RJ) vai ser acusado pelo Ministério Público do Rio (MP-RJ) de homicídio doloso (intencional). A Polícia Civil havia concluído crime culposo (sem intenção). Essa mudança foi anunciada durante a audiência de custódia do caso, realizada nesta sexta-feira, 4, na qual a Justiça manteve Bezerra detido e transformou a prisão em flagrante em prisão preventiva. O pedido de alteração foi feito pela Promotoria.

"Pelo Ministério Público foi dito que requer a conversão da prisão em flagrante em prisão preventiva. Além disso, entende que a conduta imputada ao custodiado não se amolda a capitulação imputada pela autoridade policial, qual seja, artigo 121, §3º do CP, visto que não entende ser tal conduta culposa", escreveu a juíza Ariadne Villela Lopes, da 5ª Vara Criminal, responsável pela audiência.

Bezerra estava dentro de seu carro, parado em frente ao portão do condomínio em que mora, na rua Capitão Juvenal Figueiredo, no bairro Colubandê, por volta das 23h de quarta-feira. Como o controle remoto não estava funcionando, ele aguardava a mulher abrir o portão para guardar seu carro na garagem. Enquanto isso, Durval Teófilo Filho, negro de 38 anos, se aproximou do carro, caminhando. Ele voltava do trabalho como repositor em um supermercado e ia para o mesmo condomínio de Bezerra, onde morava. Como estava chegando em casa, mexia na mochila em busca da chave de casa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.