Google Street View
Google Street View

Subtenente da PM morre durante assalto na zona norte do Rio

Policial abastecia o veículo quando foi surpreendido por criminosos que assaltavam um posto de gasolina; ele é o 31º policial assassinado no Estado do Rio de Janeiro neste ano

Constança Rezende, O Estado de S.Paulo

02 Abril 2018 | 09h30

O subtenente da Polícia Militar, Marcílio de Melo Ferreira, de 54 anos, foi morto no início da manhã desta segunda-feira, 2, durante um assalto a um posto de gasolina  na Estrada Intendente Magalhães, em Campinho, bairro da zona norte do Rio. De acordo com a assessoria da PM, Ferreira abastecia o veículo, quando bandidos assaltavam um estabelecimento comercial próximo. Eles teriam percebido que o militar estava armado e o atacaram.

Segundo a nota da  PM, o policial e os criminosos chegaram a travar uma briga corporal, mas estes conseguiram retirar a arma do agente e atirar contra ele. O subtenente foi levado para o Hospital Carlos Chagas, mas não resistiu aos ferimentos.  

+ Cinco suspeitos e um PM morrem durante operações policiais no Rio

+ Mulher de PM morre após ser baleada em tentativa de assalto no Rio

Em seguida, policiais do 9º Batalhão de Polícia Militar (Rocha Miranda) que patrulhavam a Estrada Intendente Magalhães perceberam a ação e prenderam três supostos envolvidos. A ocorrência está com a Divisão de Homicídios (DH).

Ferreira era lotado no 16° BPM (Olaria), era casado e deixa seis filhos. Ele estava na Corporação desde 1987. 

O subtenente é o 31º policial a ser assassinado no Estado do Rio de Janeiro neste ano.

+ Suspeito é morto em confronto com policiais militares na Rocinha

+ Morte de militar e PM antecedeu ação na Vila Kennedy

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.