Suspeita de bomba em mala fecha Galeão durante quase uma hora

Na bagagem, havia roupas, fios, baterias e um estilete; passageiros não puderam embarcar ou desembarcar entre 1h e 1h55

THAISE CONSTANCIO, O Estado de S. Paulo

22 de setembro de 2014 | 10h58

RIO - Uma mala abandonada no Terminal 2 do Aeroporto Internacional Tom Jobim, o Galeão, na zona norte do Rio de Janeiro, causou apreensão na área de embarque de passageiros na madrugada desta segunda-feira, 22. O local precisou ser fechado entre 1h e 1h55.

O Esquadrão Antibombas da Polícia Civil e agentes da Polícia Federal foram acionados por volta das 1h para que a mala suspeita fosse retirada da área de embarque doméstico. O local onde a mala estava foi interditado pela possibilidade de explosão.

Nenhum passageiro pôde embarcar ou desembarcar durante a operação policial. Levada para o lado de fora, dentro da bagagem havia apenas roupas, fios, baterias e um estilete.

O dono da bagagem ainda não foi identificado. Mesmo durante a suspeita de bomba, nenhum voo foi afetado pelo fechamento por aproximadamente uma hora do aeroporto. Será aberto inquérito na Delegacia do Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro (Dairj) para investigar caso.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.