Taxista morre atingido por bala perdida em Niterói

Homem foi atingido enquanto conversava com amigos na avenida Rui Barbosa, no bairro de São Francisco

Fábio Grellet, O Estado de S. Paulo

30 Abril 2016 | 10h26

RIO - O taxista Carlos Alberto Gomes, de 36 anos, morreu na madrugada deste sábado, 30, após ser atingido por uma bala perdida enquanto conversava com amigos na avenida Rui Barbosa, no bairro de São Francisco, em Niterói.

No momento em que Gomes foi atingido ouviram-se tiros na favela da Grota, situada a cerca de 500 metros do local onde o taxista estava. Segundo a Polícia Militar, não houve nenhuma operação policial com troca de tiros na região nesta madrugada. A Polícia Civil tentará identificar de onde partiu o disparo.

Bombeiros do quartel de Charitas foram chamados, mas Gomes morreu antes da chegada dos socorristas. Casado e pai de dois filhos, ele trabalhava como taxista há dois anos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.