Wilton Junior/Estadão
Wilton Junior/Estadão

Tiroteio entre policiais e criminosos deixa um morto e um ferido na Rocinha

Policiais de UPP foram atacados durante patrulhamento e revidaram. Rocinha está em guerra desde setembro do ano passado

Roberta Jansen, O Estado de S.Paulo

14 Maio 2018 | 19h18

RIO - Pelo menos um homem morreu e outro ficou ferido em mais um tiroteio entre policiais e criminosos na Rocinha, na zona sul. Segundo a assessoria de imprensa da Polícia Militar, policiais da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da comunidade foram acionados via 190 para a ocorrência de um suposto sequestro na localidade conhecida como “Valão”. No local, segundo a assessoria, nada foi constatado.

+ PM morre e três ficam feridos em confrontos na Rocinha 

“No entanto, na sequência do patrulhamento, os policiais foram atacados por criminosos armados e houve confronto”, diz a nota oficial. “Após cessar os disparos, moradores informaram sobre um senhor em óbito e solicitaram ajuda para socorrer outro morador ferido ao Hospital Miguel Couto. A área do confronto foi isolada e a Delegacia de Homicídios acionada para realização de perícia.”

Nas redes sociais, moradores confirmaram a morte de um homem que seria funcionário de um hortifruti local. Eles relataram tiroteio intenso e momentos de pânico. A Rocinha está em guerra desde setembro do ano passado. Pelo menos 53 pessoas já morreram na comunidade.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.