Traficantes Marcinho VP e Duda vão a júri popular

Os dois bandidos são acusados de terem esquartejado traficantes rivais há 11 anos

Pedro Henrique França, da Agência Estado,

06 de agosto de 2007 | 19h50

Os traficantes Márcio dos Santos Nepomuceno, o Marcinho VP, líder de facção criminosa, e Eduardo Luiz Paixão, o Duda, irão a júri popular na terça-feira, 7. Os dois são acusados de terem esquartejado André Luis dos Santos Jorge, conhecido como Dequinha, e Rubem Ferreira de Andrade, o Rubinho. O julgamento tem início programado para o meio-dia e acontecerá no 1º Tribunal do Júri, na região central do Rio de Janeiro. Trata-se do segundo julgamento do caso. O primeiro tinha sido anulado pelo Superior Tribunal de Justiça. Quem comandará o julgamento será o juiz Fábio Uchôa Pinto de Miranda Montenegro. A Promotoria Pública é de Alexandre Jopper. O assassinato aconteceu na madrugada do dia 11 de outubro de 1996 e foi considerado objetivo de motivações torpe e cruel. Os corpos foram encontrados dentro de um bueiro. Os dois mortos tinham ligação com o traficante conhecido como Leite Ninho, que lidera quadrilha rival à de Marcinho VP e Duda. Outros três bandidos foram denunciados pela promotora pública Patrícia Mothe Glioche Beze: Severino Alves da Silva, o Rambo; Genilton Fernandes Mendonça, o Tirré; e Joel de Oliveira Carvalho, o Joel Bombeirinho. Nenhum deles estarão no julgamento pois encontram-se foragidos.

Tudo o que sabemos sobre:
Marcinho VP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.