Fernando Frazão/Agência Brasil
Fernando Frazão/Agência Brasil

Três pessoas ficam feridas em tiroteio na zona norte do Rio

Troca de tiros começou quando criminosos atacaram base de UPP no complexo da Penha

Lucas Gayoso e Fábio Grellet, Especial para o Estado

20 de junho de 2017 | 11h04

RIO - RIO - Três pessoas ficaram feridas durante um tiroteio entre policiais e criminosos no complexo da Penha, na zona norte do Rio, na manhã desta terça-feira, 20. Os nomes das vítimas não haviam sido divulgados até as 19h, mas uma delas é uma criança de 8 anos atingida por uma bala perdida.

O tiroteio começou quando criminosos atacaram uma base da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Fé e Sereno, no complexo da Penha. Os PMs reagiram e houve intensa troca de tiros. Os criminosos conseguiram fugir.

Ônibus que trafegavam pelo BRT Transcarioca chegaram a andar em marcha a ré para escapar do confronto.

As três vítimas foram encaminhadas ao Hospital Estadual Getúlio Vargas, também na Penha. Até a noite desta terça-feira não havia detalhes sobre o estado de saúde dos feridos.

Mais conteúdo sobre:
Rio de JaneiroPenha

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.