Vendedor ambulante é morto a tiros em discussão em Copacabana

Crime ocorreu após uma discussão por ponto de venda na praia carioca

Daniela Amorim, O Estado de S. Paulo

23 Dezembro 2017 | 15h38

Um vendedor ambulante foi morto a tiros na praia de Copacabana, na zona sul do Rio de Janeiro. O crime ocorreu na manhã deste sábado, na altura do Posto 5, motivado, aparentemente, por uma disputa por ponto de venda.

Segundo informações da Polícia Militar, dois homens discutiam com a vítima sobre a venda de cangas na praia, quando um deles sacou uma arma e atirou quatro vezes contra o ambulante. A vítima foi levada ao Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea, mas não resistiu aos ferimentos.

Policiais do 19º Batalhão da Polícia Militar, de Copacabana, foram acionados e tentaram fazer um cerco para prender os dois suspeitos, mas eles conseguiram fugir. Na fuga, um dos homens deixou cair na areia uma mochila com documentos, cangas e a chave de um carro.

O automóvel que pertence a um dos suspeitos foi localizado e será periciado. O material apreendido foi levado à 12ª Delegacia de Polícia.

O registro da ocorrência foi realizado na Divisão de Homicídios. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.