Antes e depois

Estadão

07 Junho 2012 | 14h34

Praia Grande/ ANTES

Repare bem nessas duas fotos. São, na verdade, a mesma imagem, tirada na Praia Grande (SP) em 1923. A grande diferença entre elas é a qualidade. Enquanto a primeira mostra amassados, ranhuras e um pedaço faltando, a segura parece nova, com desenho e cores mais nítidas. Qual o segredo? 

Praia Grande/ DEPOIS

As duas fotos foram enviadas ao blog pela fotógrafa e artista plástica Beatriz Ricardo (www.olhares.com/Beatrizcricardo). Ela conta que, por meio do programa Adobe Photoshop, é possível recuperar fotografias antigas digitalizadas e eliminar rasgos, fungos e dobras, além de “trazer de volta” brilho e contraste.

“Digo ‘trazer de volta’ entre aspas, pois uma vez que a informação da imagem foi perdida perdeu-se para sempre”, explica ela, destacando que o trabalho de recuperação é feito após análise de alguns detalhes. “As regiões que circundam áreas danificadas, por exemplo, podem nos revelar a matiz, a saturação e a luminosidade das cores, assim como texturas dos elementos que a compõem. Dessa maneira, de uma forma coerente e com bom senso, as informações são recompostas.”

Vale lembrar que várias décadas atrás, bem antes da digitalização, fotógrafos antigos utilizavam uma técnica para “embelezar” seus retratos: a fotopintura. Mais do que recuperar fotos, no entanto, elas interferiam na imagem. Veja mais informações nos posts Fotopintura e A magia das fotopinturas.

Mais conteúdo sobre:

Praia Granderecuperação de imagens